Agulhas

Existem vários números de agulhas, sendo o número maior quanto mais pequena é a agulha.

Para o ponto de cruz as agulhas devem ser curtas e sem ponta para deslizarem pelo tecido sem o desfiarem e as mais indicadas são as de número 22 ou 24.

Quanto mais fino for o tecido, mais fina deve ser a agulha de modo a não deixar marcas no tecido.

O mais importante é escolher o tamanho com que consiga trabalhar melhor.

Ver detalhes e comentários

Linhas

Linhas de 8m com uma vasta gama de cores, constituídas por 6 fios que depois se dividem, geralmente em 2 fios, para bordar.

Existem diversas marcas, sendo as mais utilizadas:

  • Anchor Mouliné

Pode ver as cores disponíveis presentes no site da marca em Tabela de cores Anchor

  • DMC Mouliné Spécial

Pode ver as cores disponíveis presentes no site da marca em Tabela de cores DMC

Ver detalhes e comentários

Tecidos

Quadrilé: é o tecido por excelência para bordar ponto de cruz e consiste numa tela com quadrículas exactas para guiar a passagem da agulha e obter pontos regulares. Existem vários tipos de quadrilé que pode escolher:

  • Quadrilé Coats&Clark:
    • fino (6,7 pontos/cm); médio (5,5 pontos/cm); largo (3,3 pontos/cm);
    • xadrez;
    • fantasia;
    • largo de várias cores.
  • Quadrilé Aida DMC:
    • 18 fios (7,1 pontos/cm); 16 fios (6,3 pontos/cm); 14 fios (5,5 pontos/cm); 11 fios (4,3 pontos/cm); 6 fios (2,4 pontos/cm) (ordem do mais fino para o mais grosso);
    • várias cores;
    • impresiones (quadrilé 14 fios estampado).

Para iniciantes está indicado utilizar um tecido médio ou largo para facilitar o trabalho uma vez que torna mais fácil a contagem.

      
Etamine DMC: 28 fios; 25 fios

Linho e Aida linho DMC: 14 fios

Barras: para bordar e inserir em produtos têxtil, por exemplo, toalhas, babetes entre outros.

Talagarça: usada tradicionalmente em tapeçaria mas a talagarça mais fina pode eventualemente ser usada para fazer ponto de cruz, nomeadamente para bordar sobre superfícies, como vestuário.

Magic guide DMC: quadrilé 14 ou 18 fios ou etamine, com fios guia que desaparecem após a lavagem do trabalho, permitindo poupar tempo na contagem e na preparação do bordado.

Tela Solúvel DMC: ideal para auxiliar o bordado em qualquer suporte téxtil. Basta fixar ao suporte, bordar e lavar que a tela derrete e desaparece.

Tela Plástica: tela lavável e resistente, que não encolhe, não rasga e não desfia.

Ver detalhes e comentários

Kits

Existem no mercado kits de várias marcas, que incluem o quadrilé, a agulha, o esquema e as linhas, necessárias para a execução do bordado.

Ver detalhes e comentários

Tesoura

A tesoura é necessária para cortar as pontas das linhas, além ser também necessária para cortar o tecido.

Ver detalhes e comentários

Bastidor

Pode optar por utilizar um bastidor para esticar o tecido e melhorar o resultado final do trabalho, no entanto usando bastidor o trabalho torna-se mais demorado uma vez que tem que se fazer o ponto em 2 tempos.

Existem bastidores de vários materiais e de vários tamanhos. Escolha o mais adequado para o trabalho que vai fazer. Cuidado com os de madeira porque podem prender o tecido e fazer com que se desfie.

Se usar bastidor deve ter o cuidado de não deixar o tecido preso no bastidor enquanto não está a trabalhar no bordado para que o tecido não fique vincado.

                                         

Ver detalhes e comentários